decor | [até na decoração] Menos é mais

9.9.16 SARA SILVA 6 Comments


Neste verão li um artigo sobre a cultura do minimalismo. Foi numa revista feminina (não me lembro qual) e apresentava entrevistas a 2-3 mulheres que tinham optado por um estilo de vida mais simples, baseado apenas no que é essencial ao dia-a-dia. Essa escolha passava não só pelo guarda-roupa, como também pelas embalagens de alimentos e decoração da casa - neste artigo do Observador podem conhecer um exemplo que dá que pensar.


A cultura do minimalismo não é novidade, está bastante em voga nos últimos anos, mas quantos de nós entendemos a sua essência? Quantos de nós a conseguiríamos pôr em prática? Num mundo onde somos constantemente aliciados para ter, comprar e acumular, o minimalismo pode ser um verdadeiro desafio!


Se ainda hoje penso nesse artigo que li, por alguma razão será. Tem sido inevitável olhar para o que me rodeia e concordar que, de facto, menos é mais
Um bom exemplo é a forma como tenho vindo a decorar a minha casa: com artigos acessíveis, ao meu/nosso gosto, comprados aqui e acolá, tentando respeitar o ambiente e cores que defini para cada espaço. Mas, à medida que compro as coisas e as coloco no sítio destinado, sinto que a minha casa está a ficar atolada de tralha! Tenho comprado tanta coisa insignificante, muitas vezes só porque é barata, que tenho vindo a perder o foco e, provavelmente, desperdiçado dinheiro.

Então decidi: chega de andar a fazer rondas às lojas X, Y, Z, à procura de "mais alguma coisa" para decorar a casa, só porque tenho uma vontade quase incontrolável de comprar! É preferível reservar esse dinheiro para, tempos depois, investir em alguma coisa que valha mesmo a pena, com utilidade, e que tenho vindo a adiar por causa do preço - como uma carpete para a sala-de-jantar, um móvel e papel de parede.

Com esta consciência de que é preferível ter menos mas melhor, penso que conseguirei tornar a minha casa mais harmoniosa. Porque o minimalismo é isso mesmo: com pouco, conseguir fazer muito, melhorar a nossa vida e a forma como nos sentimos.

Por isso, se estão agora a começar a decorar o vosso espaço, fica a dica: não se entusiasmem demasiado! Coisas giras e baratas há por aí quase ao pontapé, mas não queiram tornar a vossa casa num expositor. Deixem-na respirar, respeitem os espaços vazios, e vão perceber que faz mais sentido assim :)

Boas decorações e... keep it simple!

imagens: Pinterest
este post contém um link para uma parceria

Posts relacionados

6 comentários:

Daniela disse...

Sem dúvida adoro espaços assim, mas como adoro coisas fofinhas e bonitinhas às vezes acabo por me perder e comprar imensa coisa, acabando por deixar o ambiente um bocado "baralhado" como eu costumo dizer.xD

Another Lovely Blog!, http://letrad.blogspot.pt/

Mafalda Cunha disse...

Adoro este tipo de decoração para quartos e sala. Fica mesmo lindo!
Beijinho, até à próxima.
Último post: é só clicar AQUI

Adoro ambientes com decorações assim, mais clean e sem um monte coisas na casa! Ficam lindos e dá uma sensação de liberdade. Amei as inspirações.
Beijos e um bom final de semana!
Blog DMulheresInstagram

que lindas sugestões.

https://beautyshineswoman.blogspot.pt/

Inês Brito disse...

Acho que fica mesmo confortável e bonito! ❤

Grande verdade! Adorei :)
tousjulia.blogspot.pt

Obrigada pelo teu comentário ♡
{activa a opção 'Notificar-me' para saberes quando respondi}