reflexão | Pensamentos

2.3.15 SARA SILVA 3 Comments

No final do ano passado e início deste não tive oportunidade de fazer a reflexão retrospectiva que caracteriza essa fase de mudança. É certo que não é preciso muito, apenas parar por alguns instantes o presente, recuar um pouco ao passado e colocar em prática o exercício mental de avaliar quem fomos, quem somos e quem queremos ser. Mas ainda assim eu não consegui isso, estive demasiado ocupada com as questões do presente e deixei o passado para depois.

Dizem que não é bom mexer no passado, que devemos "deixá-lo para trás das costas". Eu concordo, mas só depois de o esmiuçarmos e resolvermos algumas questões, de o revirarmos, de o revistarmos, até não restar mais nada senão respostas e lições para o que vem depois. E há passados sombrios, tenebrosos, que ainda assim devem ser submetidos a essa prova, pois ninguém deve viver a vida assombrado, e uma coisa é certa: seremos sempre perseguidos pelo que mais tememos até termos a coragem de o enfrentarmos.

2015 começou e eu nem me apercebi. 2014 veio, passou-se e foi, uma visita de médico 
que deixou uma receita que somente agora eu me dediquei a ler. Diz para não levar as coisas tão a sério, para reconhecer o que de bom me tem acontecido, para me lembrar mais vezes das pessoas, para manter o foco no que é verdadeiramente importante, para não me deixar levar pela ambição desmesurada, para não me esquecer que dinheiro não é tempo, para não ser fria e distante, para me dedicar mais àquilo que gosto de fazer, para não olhar tantas vezes para o relógio e para não viver asfixiada pelas tarefas que ainda não risquei da minha lista. Às vezes o difícil não é perceber isso, mas sim lembrar-nos, sobretudo quando o mundo parece querer engolir-nos e o tempo nos esmaga. E numa altura em que tantas pessoas se preocupam com o bem-estar físico, tantas outras se esquecem que é a falta de saúde mental que mais nos aprisiona. 

PS - Já tinha saudades de escrever assim.

Posts relacionados

3 comentários:

Concordamos a 200% contigo! Há que pensar no passado e resolver os problemas que para trás ficam na nossa cabeça. Caso contrário o passado vem atrás de nós no caminho para o futuro... :P

www.elaeele-nos.blogspot.com

dimple khadi disse...

Nice post dear!
http://dimplekhadi.blogspot.com/2015/03/its-spring-lets-pop-some-colors.html

Ana Afonso disse...

Que texto tão inspirador :)
Obrigada Sara. Beijinhos

www.dreamandgalmour.com

Obrigada pelo teu comentário ♡
{activa a opção 'Notificar-me' para saberes quando respondi}