moda | Moda na terceira idade

by - quarta-feira, outubro 22, 2014


Quem disse que a moda tem idade só pode ser preconceituoso, e para provar isso basta olhar para algumas das fashionistas mais extravagantes que diariamente cruzam as ruas de Nova Iorque e comparecem às semanas da moda.

Têm na sua maioria mais de 60 anos e distinguem-se das da sua idade porque continuam a cultivar uma imagem cuidada: maquilham-se, arranjam o cabelo, pintam as unhas, não têm medo de usar cores e acompanham as últimas tendências da moda na própria pele.

Os seus gostos são discutíveis, mas uma coisa é certa: não há como não ficar indiferente à jovialidade e ousadia destas senhoras!


Se estas fotografias não vos encheram os olhos como estavam à espera, calma que eu seleccionei apenas as mais light! ahahah
A maioria dos registos destas idosas fashionistas é da autoria de Ari Seth Cohen, o fotógrafo e autor do blog "Advanced Style". O conceito chamou a atenção de tantas pessoas e tornou-se tão popular que já foi lançado um livro e inclusivamente um documentário (IMBd)!
Vejam no vídeo abaixo um pouco dessa longa metragem:


Mas este espírito de vestir bem independentemente da idade não se restringe apenas às mulheres. Vejam só destes dois senhores, com todo o seu cuidado de combinar bem a fatiota:


Sem dúvida que chegar a esta idade com uma atitude tão vangloriosa e energética deve fazer toda a diferença na vida destas pessoas, para melhor! 
É caso para dizer que quando for grande, também vou querer ser assim :)


O que me dizem destas pessoas?

Posts relacionados

3 comentários

  1. eu acho fantástico que consigamos viver cada etapa da vida cm o mesmo sorriso e com a mesma capacidade de nos querermos sentir bonitas e activas, independentemente dos gostos, o importante é que sejamos felizes e que não tenhamos o preconceito de achar que a moda tem idades.

    ResponderEliminar
  2. Às vezes tenho medo de me tornar uma velha demasiado extravagante hahah mas adoro a maneira de estar na vida deles, e de não se preocuparem minimamente com o que os outros pensam. Também tenho vindo a fazer desde a minha adolescência, mas a minha sorte é não ter um gosto tão esquizofrénico.

    ResponderEliminar

Obrigada pelo teu comentário ♡
{activa a opção 'Notificar-me' para saberes quando respondi}