dica | Manual de compras na La Redoute

by - sábado, fevereiro 22, 2014

Como vocês sabem eu sou fã de compras online. Desde que me familiarizei com esta prática que tenho preferido ver e comprar as peças no conforto de minha casa, calmamente, sem confusões e sem perder tempo nos entretantos porque não tenho de me deslocar nem procurar estacionamento. Não deixei de gostar de ir a shoppings, mas estes já não me fascinam tanto quanto antes, acho que simplesmente já não tenho paciência.
E na internet encontro boas alternativas. A La Redoute, por exemplo, é uma das lojas online que eu visito com frequência e onde já comprei estas sandálias, estas peças, estas botas e esta camisola, entre outras coisas. Até ver não tenho razão de queixa e por essas e outras razões decidi dá-la a conhecer a vocês neste post em que pretendo orientar-vos no processo de compras na La Redoute (sem incentivos publicitários).


Conhecer os produtos

Como devem saber, a La Redoute oferece duas formas de conhecer os seus produtos: no catálogo e no site. Eu uso ambas porque assim consigo vê-los e analisá-los melhor (muitas vezes as imagens do site diferem das do catálogo), ter a noção do preço real deles (coisa que vou explicar mais à frente), comparar as cores do produto em ambos os suportes e, sobretudo, porque é mais fácil encontrar determinado artigo no site se tivermos o catálogo. Para receberem o catálogo basta fazerem o pedido no site e uma encomenda.

Outro aspecto que valorizo muito na escolha dos produtos são as opiniões que outras clientes deixam sobre eles. Podemos encontrá-las na página de cada produto e geralmente são muito úteis para sabermos pormenores importantes que pesam na decisão de comprar um artigo que não estamos a ver fisicamente. Sem dúvida que isso ajuda muito e tenho pena que nem todas as compradoras deixem a sua opinião.


Os preços

A La Redoute apresenta peças de várias marcas, o que faz com que os preços variem muito de artigo para artigo. Todas as estações há estilistas convidados, e as suas criações são as mais caras do catálogo, no entanto a maioria das peças tem um valor equivalente ao que encontramos nas lojas físicas habituais (H&M, Zara, Stradivarius, Springfield...). No entanto muitas vezes esses preços sofrem alterações de descontos, pelo que aconselho a nunca comprar um artigo com o preço base, a menos que se trate de um shopping preço ou preço vermelho, que são artigos que muito dificilmente baixam de preço e sobre os quais os códigos de desconto não têm efeito.


As promoções e códigos de desconto

Esta é uma das coisas que mais gosto na La Redoute: há descontos todas as semanas! E têm quatro formas de se manterem informadas quanto a eles: subscrevendo a newsletter, sendo cliente e recebendo sms, estando atenta à caixa de correio e visitando o site.

Normalmente os descontos incidem sobre peças quer da nova colecção quer da anterior (sendo maiores para o da colecção anterior), também há deles que nos oferecem produtos-brinde (que são os meus preferidos!), por vezes incluem portes grátis (que custam 3,99€) e ocasionalmente existem outros. No entanto é muito importante notar uma coisa: por vezes, no site, aumentam o valor base de certos produtos para parecer que o desconto é maior. Aconteceu-me com esta camisola: no catálogo o preço base dela era 37,99€, e houve uma promoção em que subiu para cerca de 70€ e mesmo com o desconto ficava mais cara que o preço base. O meu conselho é terem à mão o catálogo e, quando quiserem comprar determinada peça, aguardarem algum tempo para perceber qual é o melhor momento e promoção para fazer a compra.

Eu, por exemplo, tenho um separador no gmail em que guardo todas as newsletter da La Redoute e um envelope em casa onde mantenho os folhetos promocionais. Assim, quando quiser encomendar, consulto uns e outros e vejo qual é mais vantajoso para a compra que pretendo fazer.


Encomendar

Encomendar na La Redoute é muito fácil e seguro. Para começar, tendo uma conta no site, podem criar a vossa lista de favoritos, o que vos ajudará melhor a decidir o que comprar. Depois basta ao carrinho os artigos que querem, introduzir o código de promoção e avançar. Segue-se a confirmação da morada, a escolha da forma de pagamento e o local de entrega. Eu escolho pagar sempre por transferência bancária porque esta opção é gratuita e muito simples. Podem escolher que a entrega da encomenda seja feita em vossa casa, noutra morada onde se encontrem ou num ponto pick me, que são determinadas lojas com as quais a La Redoute tem parceria e que recebem os produtos para depois vocês irem até lá levantá-los. É muito prático para quando não estão em casa na maioria do tempo. As entregas são feitas pela Chronopost e demoram cerca de uma semana a chegar.


Trocas e devoluções

Quando recebem uma encomenda da La Redoute no interior do saco encontram sempre um papel referente às trocas e devoluções com todo o processo descriminado. Trocar ou devolver um produto é grátis e fácil: basta entregarem-no num ponto pick me ou CTT acompanhados pelo respectivo papel de troca/devolução. Têm 15 dias para o fazer e, em épocas festivas, como o Natal, o prazo aumenta.


O apoio ao cliente

Não tenho queixas da La Redoute quanto ao serviço ao cliente, até pelo contrário: sempre que precisei, eles responderam-me prontamente e resolveram as minhas questões.

Já me aconteceu, por exemplo, encomendar um produto que, por erro de sistema, aparecia disponível mas na verdade não estava. Fui contactada com respeito a essa situação e devolveram-me o dinheiro desse artigo. Também já aconteceu eu ter finalizado uma encomenda e só nesse momento perceber que faltava um artigo. Contactei de imediato a La Redoute por email, através do site, e expliquei a situação dizendo que queria cancelar essa encomenda (se eu não o fizesse, e mesmo que não a pagasse, iria chegar até mim por envio à cobrança com valor acrescentado de 4,99€). Recebi uma resposta no dia seguinte a dizer que a encomenda tinha sido cancelada, tal como eu tinha proposto.
A única coisa com a qual eu não concordo no apoio ao cliente é o facto do número da linha de apoio ser paga.


De forma geral penso que estas informações sejam as necessárias para que fiquem a conhecer como funciona o serviço da La Redoute e se sintam à vontade com ele. Eu vou continuar a manter esta loja online na lista das minhas preferidas e com as quais vou sempre poder contar.
Se tiverem alguma dúvida, podem contar comigo também para vos ajudar! :)


Posts relacionados

5 comentários

  1. É verdade que a linha de apoio ao cliente é paga mas no site dá para colocares o teu contacto e escolher a hora em que preferes que te liguem e elas contactam-te, sem tu gastares um cêntimo. De vez em quando vou lá espreitar umas coisinhas e já reparei que nem sempre vejo esta funcionalidade disponível. Quanto a isso já não sei quando é que realmente isso dá para fazer, mas por algumas vezes já vi e até utilizei, e ligaram imediatamente. Têm também uma outra funcionalidade (que, exatamente como a anterior, julgo que não está sempre lá no site) que consiste em falar através de chat (inserindo o teu e-mail, se não me engano) com uma das assistentes, como se estivéssemos no Facebook. Por isso, quando tiverem uma dúvida ou assim tentem antes espreitar no site se alguma destas opções está disponível :)

    Diana*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Diana :)
      Pois, eu realmente já tinha visto essas opções uma vez ou outra mas por já não as ver há algum tempo pensei que estivessem desactivas e decidi não as incluir no post. Mas obrigada por relembrares!
      Beijinhos *

      Eliminar
  2. acreditas que nunca fiz uma comprar que fosse on line?

    beijinhos querida
    Chic Diary

    ResponderEliminar
  3. Quando eu era mais nova a minha mãe mandava vir roupa para mim dessa loja, depois nunca mais recebemos revistas em casa!

    ResponderEliminar

Obrigada pelo teu comentário ♡
{activa a opção 'Notificar-me' para saberes quando respondi}