dicas | Poupar e ganhar em tempo de crise

12.7.12 SARA SILVA 9 Comments

Ao contrário do que a maioria das pessoas à nossa volta nos fazem crer, a crise não significa coisas más, e por isso há que saber olhar também para o lado positivo. 
Por exemplo: desde que a crise se tornou mais visível no nosso país, as marcas têm apostado mais em promoções. Sim, continuamos a ter de pagar pelos produtos, mas assim pagamos menos, o que é de bom! 
Mas o universo das promoções não se limita ao que é anunciado nas vitrinas das lojas, há muitas outras formas de poder poupar algum dinheiro e ainda ganhar qualquer coisita: basta estar atento e saber onde procurar. Para vos ajudar, deixo-vos aqui algumas dicas :)

  • Coleccionar vales e cupões de desconto: são a forma mais conhecida de poupar e muitas vezes representam a oportunidade de comprar mais barato um produto que queremos muito experimentar! Com isto, quantos mais vales tiverem, mais hipóteses há de conseguirem descontos nos produtos que querem.
    Onde os conseguir: no site da revista Para Mim (a cada 3 meses são lançados vales de desconto); revistas (a Activa, por exemplo, tem sempre um cartão de descontos em produtos e serviços); cartão Continente, se forem clientes (recebem, mensalmente, vários cupões de desconto), revista da Pescanova (com ela vêm vários vales para descontar em produtos da marca), na embalagem de alguns produtos, entre outros.

  • Registar em sites: no Beruby, por exemplo, ganha-se algum dinheiro por visitar outras páginas, registar noutros sites e fazer compras nesses mesmo sites (alguns bem conhecidos como a Fnac e a Worten). É caso para dizer grão a grão enche a galinha o papo e eu, até agora, já "enchi" a minha conta bancária com 8€ graças a este site - registem-se aqui.

  • Subscrever à newsletter das marcas: as marcas já perceberam que a forma mais directa de chegarem até aos seus consumidores é através do contacto via email. Por isso, ao subscreverem à newsletter das vossas marcas ou lojas preferidas, recebem a informação de promoções que estão a decorrer e/ou que estão para chegar (e que, de outra forma, não iriam conhecer antecipadamente). E acreditem que, por vezes, algumas promoções são exclusivas para quem as recebe via e-mail.

  • Seguir a página de facebook das marcas: as redes sociais são, hoje, uma das formas mais rápidas de estar informado, não só acerca da actualidade mas também no que toca a oportunidades que as marcas nos proporcionam! Ao estarem atentos às páginas das vossas marcas preferidas, podem descobrir vales de descontos (para imprimir e entregar em supermercados/lojas da marca) e até pedir amostras grátis.


fonte: victorias-vintage.co.uk
  • Conseguir amostras grátis: quem não gosta de amostras grátis? São a forma mais barata de poder usar um produto. Elas estão um pouco por todo o lado, apenas à espera de serem encontradas.
    Onde as encontrar: em revistas (a Activa, por exemplo, costuma trazer 2 diferentes), através das páginas do facebook das marcas (preenchem um formulário e esperam que elas cheguem por correio), através das newsletters (o mesmo procedimento que o anterior), ao comprar outros produtos da mesma marca, na Douglas (oferecem amostras de perfumes ao comprarem qualquer produto), nas farmácias (informem-se junto das farmacêuticas), em sites de marketing como o TRND e o Embaixadores (estes dois só funcionam por convite, por isso, aproveitem o link que coloquei nos nomes e registem-se).

  • Aderir a sites de descontos: parecem estar na moda, por isso não são difíceis de encontrar (até passam na televisão). Têm promoções temporárias e que valem bem a pena, com reduções que rondam os 50% em marcas e serviços. Mas atenção: quando se trata de estadias em hotéis ou outros, vale a pena contactar a entidade antes, de forma a averiguar se a oferta é real (já soube de um caso em que o valor da estadia, supostamente em promoção, era o mesmo que o valor normal). Alguns Exemplos: Clube Fashion, Skin.ptForretas.com

  • Participar em passatempos/sorteios: os passatempos virtuais são realmente populares, principalmente em blogs, e vão desde a oferta de produtos a vouchers de compras em lojas online. Participar é muito fácil, depois é apenas uma questão de sorte! Alguns exigem um pouco mais do participante, como a criação de um texto, frase ou montagem de imagens, mas nisso só têm de puxar pela vossa criatividade e fazer figas para serem escolhidas. São uma óptima forma de ganharem coisas totalmente gratuitas, visto que nem pagam os portes.

  • Explorar o Ebay: actualmente é possível encontrar neste site vários artigos semelhantes ou iguais aos que desejamos, mas com um valor muito mais reduzido (vejam este meu post, por exemplo). Ao contrário do que se pensa, o ebay é muito seguro e é muito fácil conseguirem saber se o vendedor é de confiança ou não (informações presentes no perfil no mesmo, tais como a avaliação dos clientes), no entanto devem sempre ter em atenção o valor que vão pagar pelos portes, se bem que alguns são gratuitos.

E, para nossa alegria, há sites que reúnem a maioria das coisas boas acima referidas, anunciando aos seus visitantes as que se encontram em vigor! O Tralhas Grátis é um desses exemplos porque nele podem encontrar referência a um pouco de tudo: vales de desconto, pedidos de amostras, passatempos (...). Só têm de visitar a página com regularidade e seguir as indicações referidas nos posts!

Posts relacionados

9 comentários:

Miss Bad disse...

Eu ainda não percebi como se arranjava bons negócios no ebay : /
Mas sim, faço um pouco de tudo o que dizes acima :D

Sorteio 3º prémio DeluxeDay : http://www.thediariesofmissbad.pt/2012/07/prendas-deluxeday-sorteio.html

Bruna Araújo disse...

Adorei o blog, muito lindo, amei tudo. Parabéns mesmo, vou sempre estar aqui (:

ontendency.blogspot.com

Whatsername disse...

Muito útil este post :)
Ainda não ganhei confiança suficiente para comprar no ebay :x ouve-se cada história...

Carolina disse...

O Ebay é a melhor invenção de sempre :b

valy disse...

Eu também sou tralheira,adoro amostras grátis,tudo que seja gratuito,até troco livros no wiki books,até tenho livros que vieram do brasil por causa disso,simplesmente adoro trocas,descontos,coisas gratuitas,em tempo de crise,vale tudo.

Anónimo disse...

a cena chata é o facto das empresas ficarem com os nossos dados e posteriormente bombardeiam-nos com publicidade e pior, vendem essa base de dados a outras empresas.
Por umas amostras, valerá a pena?

MissTee disse...

boas dicas, sigo algumas delas.. ainda não experimentei compras no ebay porque não me sinto muito à vontade ainda.

beijinhos

Sara Silva disse...

@Miss Bad: eu acho que o segredo é procurar bem e ter paciência! qualquer dia, quando tiver mais à vontade no site, talvez faça um post a explicar os processos e a dar umas dicas :)

@Bruna Araújo: muito obrigada, querida! :) seguidoras como tu dão-me ainda mais gosto em ter este blog *

@Whatsername: eu do ebay nunca ouvi nenhuma, acho que é um site muito seguro, os vendedores é que podem não o ser...

@Carolina: verdade, uma das melhores! :)

@Valy: isso dos livros parece-me muito interessante, mas eu cá prefiro ficar com os meus :b

@Anónimo: sim, isso é chato. mas quando vejo que começo a receber muitos emails desses, cancelo a subscrição ou então crio um filtro próprio que os elimina logo :)

@MissTee: obrigada :) é normal que ainda não te sintas à vontade, o primeiro contacto com o site é sempre estranho, aquilo é um mundo! e diga-se: podia ser mais organizado...

Ah, o eBay... :D Apanhando o jeito, o eBay é do melhor para fazer compras, é seguro, basta ter uma conta PayPal. Já conhecia alguns dos sites que recomendaste e visitei outros que não conhecia, só boas ideias. Adoro descontos, amostras, produtos grátis, ando sempre à procura. Óptimo post!

Obrigada pelo teu comentário ♡
{activa a opção 'Notificar-me' para saberes quando respondi}