escola | O dilema do Erasmus

5.3.12 SARA SILVA 16 Comments

Nas últimas semanas há um tema em específico que tem estado muito presente no meu pensamento e conversas de dia-a-dia: Erasmus.
A minha candidatura já foi feita em Janeiro e, como primeira opção, escolhi a Polónia, com preferência de "estadia" no primeiro semestre do próximo ano lectivo. Porque a língua é diferente e é aconselhado um período de familiarização e aprendizagem de básicos durante 1 mês antes do começo das aulas, partirei em Agosto e por lá ficarei, no máximo, 6 meses. Isto é, se for escolhida! Os resultados só saem em Junho...

À primeira isto parece fantástico, uma oportunidade incrível, a qual deveria agarrar sem olhar para trás (e é o que toda a gente que já experimentou, me diz) mas, para variar, todas as grandes decisões e mudanças implicam incertezas e muitas ponderações e é nisto que surge mais um dilema meu, LOL.
  • Duração: este é o ponto crucial da minha complicação. Se fosse só um mês, dois ou três, seria muito bom, mas mais que isso já se torna difícil de suportar...
  • Companhia: na minha turma, além de mim, apenas 3 pessoas se candidataram a Erasmus (somos 40!). Felizmente essas 3 são das com quem mais me dou e, porque queríamos ficar juntas, colocámos todas a mesma escola na primeira opção. Se conseguirmos realmente ir juntas e ficar juntas, acredito que este ponto será fundamental para eu me aguentar tanto tempo!
  • Descoberta: o Erasmus é uma óptima forma de ficar a conhecer um novo país e uma nova cultura, e eu adoro isso! Acho que uma viagem só é realmente bem-sucedida se entrarmos em contacto com os costumes, modos e vida e forma de pensar das pessoas nesse local. Não gosto de visitar um país e conhecê-lo apenas "à superfície" e acredito que esta oportunidade será excelente nesse aspecto! 
  • Saudade: a saudade vai ser uma constante, ainda pior será nos dias em que me sentir mais em baixo. Não sei como vou conseguir lidar com o facto de estar longe de tudo o que é habitual no meu dia-a-dia: pessoas, lugares, comida, objectos... 
  • Dinheiro: o custo de vida na Polónia é mais barato que cá (consegue alugar-se um apartamento por 100€!) mas neste momento não tenho grandes poupanças e, mesmo que trabalhe até ir para lá, não irei conseguir juntar assim tanto dinheiro. Por outro lado, o meu pai (que está mais entusiasmado com isto que eu!) disse que irá arranjar maneira... 
  • Experiência: fazer Erasmus é uma experiência única na vida, não é o tipo de coisa que podemos fazer propriamente quando quisermos. Além disso contribui em muito para enaltecer um currículo, pois diferencia-nos dos nossos colegas. 
  • Mudança: eu sou uma pessoa de hábitos e fico um bocado "atordoada" quando me vejo confrontada com grandes mudanças. Além das saudades, o facto de ir "viver" para um sítio onde não tenho as mesmas condições que tenho, por exemplo, aqui em casa, faz-me um bocado de confusão e acho que não me irei sentir confortável... 
  • Prática da língua inglesa: eu adoro inglês e, se não tivesse facilidade com a língua, não me teria candidatado a Erasmus neste país, até porque não me imagino a falar em polaco, LOL. Pelo que já me informei, as aulas irão ser dadas em inglês e a mesma coisa vai acontecer com as formas de avaliação. É uma grande oportunidade de melhorar a língua! 
  • Conflitos amorosos: é inevitável não pensar mais de mil vezes neste ponto quando se está num relacionamento, é como se estivéssemos a escolher entre o nosso namoro e o Erasmus. É certo que se a relação for realmente forte, irá resistir, mas não se pode negar que irá passar por momentos muito difíceis... 
  • Disciplinas/Unidades curriculares: uma coisa boa naquele curso é que, ao contrário do que por cá acontece, podemos escolher as disciplinas que queremos que façam parte do nosso curso! Isto irá dar-me uma nova motivação e gosto pela área, ao mesmo tempo que me trará novas experiências e oportunidades que cá não tenho.

Além de outros aspectos de pequena importância, estes são os prós e contras principais que têm estado a influenciar a minha indecisão. Acho que, tal como outras decisões importantes na minha vida, a escolha será feita praticamente em cima da hora e guiada pela minha intuição (apurada ou não).
Quanto à questão de ser ou não escolhida: ao avaliar pelo número de pessoas do curso que se candidatou a Erasmus nesta fase, acredito que terei hipóteses de conseguir o meu lugar, por isso agora só falta decidir-me...

- Queria pedir a quem já fez Erasmus ou conhece alguém que fez/está a fazer, que partilhe aqui algumas coisas que ache importante saber :)

Posts relacionados

16 comentários:

Patrícia Gonçalves disse...

A parte de conlitos amorosos, de saudades e de mudança são as mais dificeis de suportar; mas vai ser um "pôr à prova" os nossos limites, e vamos voltar cheias de memórias e experiências para o resto da vida :)

*Lili* disse...

Adorei a tua iniciativa! Aliás eu se pudesse faria o mesmo :) Nada como estudar lá fora :)
No entanto tenho um pequeno senão* tal como tu a questão monetária para mim é crucial na medida em que somos duas exactamente a frequentar o mesmo ano...é complicado, mas não diria que é impossível :)

BeezantCherry disse...

Eu acho mesmo que deves fazer! É uma oportunidade única e de certeza que te vai marcar imenso. Eu fiz e adorei.

Marta disse...

Eu estive um ano na republica checa e quem me dera ter ficado mais! a experiencia de erasmus e unica, toda a gente devia experimentar! conheces gente de todo o lado, tens imensas festas, viajas imenso... vais adorar! (desculpa a falta de acentos no texto!)

xx

Maria Café disse...

Também estou a pensar candidatar-me, mas provavelmente só no 3º ano...
Pelo que dizem, é uma experiência maravilhosa e muito enriquecedora. Para pessoas (tipo eu) que não são muito de socializar e muito apegadas a casa e a hábitos, deve ser dificil, mas uma boa ajuda a melhorar a nossa personalidade. Há que abrir horizontes :D
Espero que entres e nos contes tudo ;)*

Sara Esteves disse...

A única coisa onde não posso falar muito é em relação aos conflitos amorosos...:s eu quando fui pra erasmus fui solteira e voltei a namorar! -.-'

de resto, saudades: se alinhares no espirito erasmus vais é achar que passou a voar e perguntar-te como é passou tão depressa! eu qando voltei chorava que nem uma perdida:P
cresces tanto e a tantos niveis que o que vais "gastar" tem um retorno enorme, nem dá apra comparar! e tens razao, é um ponto muito bom num CV!;)
Vai rapariga, vai!!! então na polonia vais ver que o €€ vai render!! :D :D
estou tao contente por ti!!:D ;P


beijinho**+
sara, chips-ina-fishbowl.blogspot.com

Ju disse...

Fiz erasmus em Barcelona. Fui com duas colegas e partilhei quarto com uma (a terceira ficámos a conhecê-la melhor lá), e eramos de áreas diferentes do meu curso. A mudança parece difícil, mas acredita que compensa e, acima de tudo, vais crescer imenso! Metade das minhas aulas eram em catalão e não foi por isso que deixei de me safar :P Quando fui não estava numa relação e acredito que seja difícil (uma das minhas colegas estava), mas na minha opinião, se forem certos um para o outro, não serão seis meses que vos vão separar :) O Erasmus foi a melhor experiência da minha vida e tenho umas saudades quase insuportáveis daquela cidade que se tornou a minha casa... e quanto às saudades de cá, claro que tinha, mas digo-te que fiquei arrependidíssima por não ter ficado um ano. Vai, não te vais arrepender, é uma das melhores experiências que vais ter na vida :) *

Nini disse...

A minha prima estudou na Hungria e adorou a experiência.**

Ela depois andou a passear pela Lituania, croácia e etc..

é sem dúvida um óptima oportunidade.*

Isabel Lima disse...

Nunca fui estudar para fora, embora gostasse muito de ir.
A minha mãe numa altura estava sempre a dizer para ir mas eu estava numa de não querer. Posso-me arrepender no futuro de não ter aproveitado quando a minha mãe quis que eu fosse mas azar.
Se já te inscreveste e tudo agora é "bola para a frente".
Diverte-te muito enquanto estiveres por lá. Deve ser uma experiência única

Olá!

Eu não vou fazer Erasmus (pelo menos não este ano) mas parto em Agosto 1 mês para a Polónia ao abrigo do programa SEP (Student Exchange Program). E ao ler este teu texto identifiquei-me imenso com as tuas palavras! :) Tive (e ainda tenho!) as mesmas dúvidas/dilemas que tu. E o que tenho vindo a dizer a mim mesma é "Go for it!". Tenho a certeza que vai ser uma experiência espectacular e que me vai ajudar a crescer e a enriquecer a minha vida em vários aspectos.
Por isso desejo-te muita sorte e vai em frente :) Com certeza não te vais arrepender.

Pretty in Pink disse...

Vai vai vai :D Acho que é uma experiência única e maravilhosa!! Nunca fiz mas tenho amigas que foram e dizem que foi a melhor altura académica que tiveram :D

Beijinho*

PatríciaGonçalves disse...

Vês Sara? Só temos a ganhar :D

Miss Bad disse...

Deixei este post para comentar em último lugar ;D
Também estou a pensar fazer para o ano, já sabendo o país, mas tendo uma grande dúvida sobre que universidade escolher !
E no meu caso, todos os factores que disses tem ainda mais duas ou três variantes ;D
Se for para uma pessoa estudar, acho uma óptima oportunidade...para a borga, nem por isso !

http://thediariesofmissbad.blogspot.com/

anya ♥ disse...

Pondero fazer o mesmo quando entrar na faculdade, que, neste momento, ainda estou no 12º... Tenho andado a pensar mesmo nisso (:
Acho que deverias aproveitar a oportunidade, se não correr da melhor forma, foi sempre uma experiência nova e diferente por que passaste e isso vai ajudar a crescer. Também acho que quando não se faz uma coisa por insegurança, mais tarde ficamos arrependidos e essa sensação deve ser pior.

beijinhos *

ps: também vivo perto de Leiria :)

Ola,

Estou a fazer Erasmus em Albacete (Espanha) e até agora estou a adorar. É um facto que ainda estou a começar e muito tenho ainda que experimentar, mas até agora tem sido uma experiência única e a cultura daqui é deveras diferente da portuguesa.

Uma das razões que me levou a fazer Erasmus é a de não querer chegar aos meus 40 e pensar "eu devia ter feito isto", por isso vive Erasmus, arrisca.

Eu estou aqui e namoro à 5 anos mas é uma oportunidade de testar a minha relação e ver até que ponto é forte.

Faz erasmus, acredita que só te arrependerás se não fizeres, não penses nas saudades que vais ter, é por pouco tempo.

Se quiseres saber como é Erasmus podes seguir o meu blog onde tenho postado algumas coisas que tenho feito: http://aminhaexperienciaerasmus.blogspot.com.es/

Beijos.

Sara Silva disse...

Olá Cláudia!
Obrigada pelo teu testemunho e conselhos, mas este post é de Março do ano passado. Eu fiz o meu Erasmus em Setembro e correu tudo bem :)
Beijinhos! *

Obrigada pelo teu comentário ♡
{activa a opção 'Notificar-me' para saberes quando respondi}